webARTz - Onde a WEB encontra a ARTE

13 ago
A era da cooperação profissional: A identidade freela!

A era da cooperação profissional: A identidade freela!

Não que você tenha que ser um freela, mas todo mundo que começa alguma coisa, seja ela individual ou não, precisa começar de baixo, bem de baixo!

Entrar em um mercado e chegar de “voadora” como numa briga de rua, pode não dar certo. Na maioria das vezes é interessante “chegar no sapatinho”, na humildade, e ir ganhando seu espaço pouco a pouco.

Partindo do ponto de vista comercial, é importante saber exatamente qual o tipo de serviço que você quer oferecer aos seus futuros clientes. Traçar uma meta clara e objetiva para um projeto profissional pode se tornar a garantia para seu sucesso.

No meu ponto de vista a postura profissional é um dos principais pontos chave em um profissional de sucesso. Ética é indispensável quando falamos em uma relação cliente vs fornecedor. Particularmente quando contrato algum serviço, seja ele qual for, antes de mais nada, faço uma pesquisa para saber quem é o profissional que estou contratando e o que o mercado pensa a respeito do seu trabalho.

Normalmente o que as pessoas te falam, é o que realmente importa!

Preserve sua imagem, não seja lembrado como um profissional ruim.

Quando um profissional é mal falado, normalmente é um profissional problemático, e em algum momento da parceria entre cliente e fornecedor, vai te deixar na mão.

Troque ideia com conhecidos, observe carreiras de sucesso, espelhe-se em profissionais requisitados. Um pouco de ganância (chamemos de amor próprio) não faz mal a ninguém!

“Quando a esmola é demais, todo santo desconfia!”

Tem coisas no mercado que realmente assustam… particularmente, uma das coisas que mais me assustam são os famosos “sobrinhos”, é, aquele mesmo, que faz a comunicação para as empresas de toda a família.

No momento em que me faço empresa, contratante, e sei que terei que fazer um investimento, cuido muito bem onde vou aplicar meu dinheiro.

Vale muito observar a relação entre custo e benefício. Não adianta tentar economizar dinheiro, e acabar comprando porcaria.

E no caso do profissional de comunicação, trata-se quase de amor próprio. Adote uma postura séria e transparente. valorize o seu trabalho, ou então não faça!

 

Comentários (2)

Trackbacks/Pingbacks (0)

  • francisco escreveu:

    Responder

    otimo

    terça-feira, 05 de março de 2013 às 9:05
  • Yuri escreveu:

    Responder

    Ótimo, vou chegar no sapatinho mesmo, assim que estou fazendo manolo. Pior que não tem praticamente concorrência na minha área de impressão gráfica, Tinta em Alto Relevo Brilhosa. Vou chegar no sapatinho mesmo.

    quarta-feira, 21 de agosto de 2013 às 2:13
  • Este post ainda não possui Pingbacks ou Trackbacks

Faça seu Comentário

webARTz - Onde a WEB encontra a ARTE

Free Page Rank Tool Visitantes Online Server Monitor Spam Poison Creative Commons License
Contribuindo na Web desde Março de 2008| Powered by Wordpress.org| Hospedado na KingHost| Fundado por Rodrigo Luis e Anderson Backes
Voltar ao Topo